Sou só eu?

O fim-de-semana passou a voar como, de resto, todos os dias têm passado. Tanto faz se há muitos eventos, se quase não saio do escritório, se as notícias são boas, se são assustadoras, se saio para dançar, se ficamos a namorar, se vou dar um salto à praia ou se fico a tomar conta da afilhada mais encantadora do mundo. Passa tudo num ápice, mesmo quando estou empancada no trânsito ou são dez da manhã e imagino as 18h30.

Não sei se estamos todos no mesmo barco ou se de repente fui sugada para uma realidade paralela mas o que é certo é que quando dou por mim, já passou outra semana e já passaram os marcos que tinha na agenda para daí a um mês.

De loucos.

E por falar em marcos, hoje começa a minha 53ª semana na empresa. Já não era altura de me espantar com a velocidade a que o tempo corre mas continuo a ficar perplexa. Um ano que parece surgir do nada e, no entanto, tem tanto lá dentro.

Jesus.

Alguém que acalme a máquina do tempo ou daqui a um mês estou velhinha de fraldas.

Comentários

  1. Não te preocupes que estamos todos no mesmo barco ;)

    ResponderEliminar
  2. Confirmo. Como não me canso de dizer, o tempo não passa, voa e a modos que não é lá muito bom para quem já passou dos trinta há alguns anos (eu)... ;)

    ResponderEliminar
  3. Eu assusto-me exactamente quando paro para pensar no tempo que já passou... passa tudo a correr sim, não é cliché!

    ResponderEliminar
  4. Subscrevo. Alguém que páre a máquina do tempo, e é já!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Ponto da situação

Porta-Tazos #1 - Viva a nossa camionete!