LES Report / Yap, estou viva

Tirando o facto de não dormir duas noites seguidas desde o início do ano (somando, nestes dois meses, devo ter dormido umas oito noites), está tudo bem. E isto seria um mal menor se a falta de descanso não se traduzisse numa desorganização do metabolismo e não trouxesse consigo uma série de consequências bastante negativas.

A minha paciência e o meu humor têm sido largamente afectados pelo que descrevo acima e, nas últimas semanas, o cansaço deixou de ser apenas mental. Tenho cada vez menos força, canso-me com facilidade e, top dos tops, esta semana até passei dois dias a vomitar. Por isso, actividades extras têm sido empurradas para o fim-de-semana (normalmente, mas nem sempre, durmo à sexta-feira, o que me permite estar on fire ao sábado), limito-me a trabalhar e a vegetar durante a semana e a lista de pendentes volta a inverter a tendência: depois de um ano a vencer a inércia (chamava-lhe cansaço porque não conhecia isto que sinto hoje) e a tornar-me super eficiente na gestão de tempo, vem a merda do Lúpus para me estragar a média.

Bom, mas isto é só uma justificação para a minha ausência. Está tudo bem :)

Comentários

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Ponto da situação

Porta-Tazos #1 - Viva a nossa camionete!

Sobre a épica ida ao Porto