Dos últimos dias

Três tardes na empresa para participar num evento que organizam de tempos a tempos, conhecer melhor as instalações e ser apresentada ao pessoal (ainda não sei quando é que começo a sério). Fim-de-semana entre festas da terra, na sexta serviram-me o jantar na vila que me viu crescer, sábado e domingo servi almoços e jantares na vila que trago no Cartão do Cidadão (e que me viu crescer aos fins-de-semana). Oito em cada dez pessoas que atendia ou por quem passava perguntavam-me quem eu era (e filha de quem), depois de saberem enviavam cumprimentos à família e rematavam com um comentário sobre o facto de estar crescida ou de não me verem há vinte anos (estou a descrever isto com bons modos, parte das pessoas especavam a olhar para mim e a comentar, antes de me dirigirem a palavra...). O tempo continua uma merda. Assim como eu que para não deprimir me entupo em calorias. Sou o monstro da celulite. Vou dormir, amanhã há mais (pudim).

Comentários

  1. Maldita celulite!! Mas quem é que inventou essa malvada?

    ResponderEliminar
  2. Nossa, como ando desactualizada!!!

    Já arranjaste um emprego em condições? Muito bem, Joaninha :)
    Eu adoro revisitar o sítio onde cresci e falar com as pessoas de lá, é sempre bonito ver o entusiasmo com que nos falam depois de tanto tempo sem nos verem... É assim a vida :) **

    ResponderEliminar
  3. Ah, e que venha daí esse pudim :)

    ResponderEliminar
  4. Em relação aos comentários, compreendo perfeitamente. É o que dá vir de um sítio pequenino, às vezes tem as suas vantagens mas de vez em quando tem esses pequenos "picos".
    Quanto ao resto, vai tudo ficar bem :) E a celulite desaparece num ápice!

    ResponderEliminar
  5. Pois a celulite, a maldita! Parabéns pelo novo trabalho!

    ResponderEliminar
  6. Aprecio muito o seu blog. Todos os dias tenho visitado o mesmo e delicio-me com os seus posts. Espero que continue com o bom trabalho.
    Cumprimentos
    Margarida Fonseca Dias
    http://www.europeanemaildatabases.com

    ResponderEliminar
  7. Agora ficou-me a apetecer pudim! :)

    De resto, quando vou à minha terrinha e saio à rua, é a mesma coisa: tás tao grande (1,71m não é grande), tás tão diferente, és filho de quem, és filho da xx?
    E em casa, os meus pais a falarem-me das pessoas, e eu sem saber quem são! :)

    ResponderEliminar
  8. Nao nao nao, cellulite e' comigo. Nao me larga. Nunca. Quer coma bem ou mal, quer faca desporto ou nao. Maldita!

    Parabens pelo emprego!!! :))))

    (Desculpa a falta de pontuacao, estou num pc ingles e nao atino com isto)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Ponto da situação

Porta-Tazos #1 - Viva a nossa camionete!

Sobre a épica ida ao Porto