Saldos Fever

Os saldos são irresistíveis e mexem com as hormonas femininas tal e qual o amor. Ansiedade e busca cega de prazer que, sem os pés assentes na terra, dão facilmente em asneira - tal e qual o amor.

   Fartei-me dos excessos dos saldos e de outras tardes de compras, há algum tempo. Nunca fui shopaholic - nem perto - mas o meu cadastro conta com várias compras irreflectidas, que depois me atormentam no armário. Como não sou fã de atirar dinheiro ao lixo, no final do Verão resolvi começar a  ponderar muito bem as minhas escolhas e hoje (ontem), superei a verdadeira prova de fogo desde então (legenda para homens: os saldos).

   Esperei pelos saldos porque não tinha nada urgente para comprar. As minhas necessidades de inverno tinham sido colmatadas ainda em Outubro, quando chegou o frio e a chuva e comprei uma parka, calçado preto e uma mala da mesma cor. Tinha roupa do ano passado mais do que suficiente para não cair na monotonia, bastante actual e, apesar de estar a ficar com uns leggins bem safados, resolvi aguentar mais umas semanas, aproveitando a espera para visitar os sites das marcas que tinha em mira, os modelos existentes e os preços praticados. Chegada a meia-noite de dia 28 voltei aos sites, verifiquei as mudanças de preços, descobri coisas que não tinha visto antes e imaginei mentalmente como usaria o quê. Às dez da manhã de hoje (ontem), já estava no shopping e, à hora de almoço, já era uma mulher feliz: por menos de 50 euros comprei quatro peças, todas em tons neutros e adaptáveis às próximas colecções (de acordo com a minha pesquisa intensiva), com a qualidade desejada e sem qualquer defeito. Tive tempo de ver todos os pormenores, ver as lojas todas que me interessavam duas vezes e decidir com convicção. Digam lá, sou a filha que todas as mães queriam ter, não sou? ;)

   Meninas, boas compras para vocês, que sei que não vão resistir a esta época. E claro, cuidado com os desperdícios que só vos vão fazer sentir mal. Analisem muito bem o que têm, o que vos faz falta, aproveitem os básicos, cuidado com os padrões e as tachas em exagero (saem de cena num ápice) e, claro, procurem tudo online primeiro, orienta-vos muito melhor a excursão à selva. A tia explica!

Comentários

  1. Os saldos toldam-me sempre o raciocínio... é um problema :P

    http://semjeitonenhum.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Ainda não fui aos saldos e cheira-me que só vou aos restos no ano novo, mas às vezes ainda se apanham coisas boas que ficam escondidas debaixo dos montes de roupa :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, eu lá para o fim do mês não vou resistir a outra espreitadela :-P

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Ponto da situação

Porta-Tazos #1 - Viva a nossa camionete!

Escrito em Fevereiro de 2016