Hoje é dia de... nada. E é tão bom.

   Depois de tantos telefonemas, tantas conversas de cortesia, tantos sorrisos e tantos assuntos a tratar com todos os stakeholders, atinjo o meu limite de socialização. A seguir, nada melhor do que uma noite de sono e um dia seguinte sem compromissos (e, ouro sobre azul, sem pessoas).

Comentários

  1. Tenho tantas vezes essa espécie de alívio:p adoro estar sozinha a descansar na minha paz, ás vezes adoro de mais e isso nem sempre é bom

    ResponderEliminar
  2. Uiiii... o que eu gosto de uns dias sem pessoas. É do melhor que há, sem dúvida! :)

    ResponderEliminar
  3. Todos os meus dias são dias sem pessoas.. Já tenho ido para jardins, e quando chego, vão todos embora.. :(

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Ponto da situação

Porta-Tazos #1 - Viva a nossa camionete!