A batalha que não escolhemos

   Esta é a história de Jennifer e do seu marido apaixonado. A história de uma mulher a quem foi diagnosticado cancro da mama e do homem que a olhou nos olhos, lhe segurou as mãos e lhe disse "estamos juntos, vamos ficar bem". É (literalmente) o retrato de uma batalha diária nada justa e que ninguém escolhe travar. Não é um caso isolado no mundo mas merece ser conhecida pelo acompanhamento fotográfico que teve: uma compilação fiel do dia-a-dia de Jen e do seu fotógrafo mais-que-tudo, Angelo Merendino. Um final que muitos de nós já tiveram a infelicidade de conhecer mas que, por muito que estejamos habituados, choca e comove sempre.
   As fotografias já foram divulgadas há algum tempo nos media internacionais mas só agora começaram a ser partilhadas por cá. Porque muitas vezes vivemos na nossa carapaça e tentamos passar ao lado de realidades menos felizes, decidi mostrá-la também. Não me parece justo ignorar o cancro: há demasiada gente a sofrer à nossa volta todos os dias - doentes, familiares, amigos.

Para verem todas as fotografias ou ler na íntegra a história deste casal, cliquem aqui.

Comentários

  1. As fotografias são tão realistas... Acho que nunca vi um retrato tão verdadeiro dessa doença.

    ResponderEliminar
  2. E .. há realidades que prefiro "xutar para canto", pensando sempre que "vai ficar tudo bem". Ridicula, eu sei..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos que ter sempre esperança, por muito que haja uma voz que nos mete medo e nos puxe para os milhares de exemplos em que não ficou tudo bem...

      Eliminar
  3. É um retrato chocante. Não reconheceria a primeira foto dela e das últimas.
    Realmente o cancro é fdp. :|
    Até me arrepiei a ver as fotografias, meu deus.

    ResponderEliminar
  4. Fotografias dolorosas, mas muito necessárias. Excelente trabalho!

    ResponderEliminar
  5. Estou arrepiada. Que grande mulher. E que grande homem.

    ResponderEliminar
  6. O cancro é aquela doença que os cirurgiões nos tiram do corpo, mas que fica sempre na cabeça. :/

    ResponderEliminar
  7. infelizmente é um retrato que podia ser de tantas outras mulheres que às vezes tão bem perto de nós... a todas nós muita força e confiança, porque o cancro não escolhe classes sociais, idades ou só os outros... É uma doença tratável, temos de estar atentos...

    ResponderEliminar
  8. Eu acho incrivel que em pleno seculo XXI ainda não haja cura para o cancro!

    ResponderEliminar
  9. fotografias incríveis! é uma doença terrível, que tem feito tantas vítimas como esta grande mulher

    ResponderEliminar
  10. Estas fotografias mexem connosco. Porque não é nada ensaiado, é a realidade. E o cancro é mesmo uma puta..

    ResponderEliminar
  11. estas fotografias são esmagadoras. não conhecia...

    ResponderEliminar
  12. Ai eu já tinha ouvido falar e impresionou-me bastante, vou dar um saltinho no site!

    Uma óptima Páscoaaa :):)

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  13. Não consigo ter palavras. Já tinha visto algumas fotos, mas não conhecia o blog, fui lá ver e realmente continuo sem palavras... <3

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Ponto da situação

Porta-Tazos #1 - Viva a nossa camionete!